A gestão inadequada dos resíduos em Beirute nos últimos meses tem gerado um debate sobre os potenciais riscos associados a esta situação para a saúde a longo prazo. Logo no início da crise, a Organização Mundial de Saúde alertou que existe risco de problemas respiratórios, dores de cabeça e cânceres no caso de exposição a longo prazo.

No entanto, até o momento desconhecemos qual é a verdadeira dimensão desta crise de saúde pública. Quando as pessoas falam de câncer, na maioria das vezes prevalece o medo que este seja causado pela poluição de um tipo ou outro.

Life at CCCL (8)No contexto do Líbano, quais são os tipos mais comuns de câncer infantil diagnosticados? Quais são os fatores de risco associados a esta doença? Existem opções de tratamento para as famílias de baixo poder econômico?

Connection Beirut investigou este tema e entrevistou Karen Khoury do Centro de Câncer Infantil do Líbano (CCCL). Esta é uma instituição médica sem fins lucrativos, pioneira no tratamento de crianças com câncer. CB apoiou esta organização e angariou fundos para a mesma através do evento “Feijoada Connection Beirut” realizado em novembro de 2015.

O Câncer é um resultado das alterações nas células do corpo que crescem de forma desordenada e sem controlo. Karen Khoury explica que os principais tipos de cânceres infantis atendidos no CCCL são :

1)a Leucemia que corresponde a 41% de todos os cânceres em crianças com menos de 15 anos de idade (Taxa média de cura no CCCL é de 80%);

2)Os tumores cerebrais que representa 20-25% (taxa média de cura na CCCL varia entre 40 e 80%, dependendo do subtipo do tumor e fase);

3)seguido de linfomas, 10-15% (taxa de cura médio no CCCL é 90%).

4)Os tumores ósseos e tumores de partes moles também são tratados.

Life at CCCL (4)Mas quais são os fatores de risco e causas do câncer infantil mais comum visto no Líbano?

Khoury explica que vários estudos foram e continuam a ser realizados, mas até agora não houve conclusões definitivas sobre causas. No entanto, cientistas e médicos de todo o mundo enfatizam a importância de levar uma vida saudável, a qual reduz o risco de muitas doenças, incluindo o câncer.

Os elevados custos do tratamento do câncer é uma das principais fontes de estresse para famílias de crianças com câncer. CCCL já tratou mais de 1000 crianças com câncer entre as quais muitas provenientes de meios desfavorecidos, que de outra forma não seriam capazes de pagar o tratamento.

Karen Khoury explica que CCCL acolhe crianças com suspeita de câncer ou casos recém-diagnosticados. Os pacientes são aceitos se cumprirem com os requisitos para a participação em um estudo de tratamento em curso.

Life at CCCL (9)
Não existe distinção dos pacientes e são respeitados todas as raças, sexo, etnia, religião e nacionalidade, e a aceitação tem por base a elegibilidade para se inscrever em um protocolo de pesquisa aberta. Como a CCCL depende exclusivamente de doações, a inscrição dos pacientes depende também da disponibilidade de fundos e da quota anual definida.

CCCL cobre todos os custos para as famílias, as quais não têm ajuda de terceiros, tais como Ministério da Saúde ou seguros privados, e assegura  pagamentos complementares para as famílias que têm apenas cobertura parcial dos custos.

A CCCL é capaz de responder a todas as solicitações? Khoury explica que a cada ano a CCCL admite a maioria dos novos pacientes. Quando há limitações de orçamento ou espaço, a CCCL sugere a procura de outros hospitais. A duração do tratamento é em média de 3 anos. Atualmente 300 pacientes estão em tratamento e 500 pacientes que já se beneficiaram de tratamento são acompanhados.

Life at CCCL (5)Para os pais que desejam contactar a CCCL, podem fazê-lo através do telefone 01350000 Ext. 8100. O trabalho da CCCL é muito inspirador e esperamos que possa desencadear iniciativas criativas de angariação de fundos que salvem vidas.

Por Patricia Oliveira

Fotos:CCCL

This post is also available in: enEnglish (Inglês)